Vereadores fiscalizam funcionamento da barreira sanitária e descobrem irregularidade

20200524_183555.jpg
Fabiano Oliveira, Nilcélio Sá e Jonas Dico denunciaram uso de termômetro incorreto para medição da temperatura corporal

Os vereadores Fabiano Oliveira, Nilcélio Sá e Jonas Mascarenhas Macedo (Jonas Dico) percorreram as três barreiras sanitárias instaladas nas entradas do município, neste sábado, dia 23.

O objetivo das fiscalizações era averiguar a infraestrutura, condições de trabalho e segurança dos servidores nas barreiras sanitárias.

“No entanto, tivemos uma surpresa: os termômetros utilizados não conseguem medir a temperatura corporal, pois não são fabricados para este fim. Nas caixas dos aparelhos e no manual de instruções existem indicações para diversas finalidades, menos para medir temperatura corporal. Em rápida pesquisa na internet encontramos o aviso ‘Não aconselhável para medir temperatura corporal'”, resumiu o vereador Fabiano Oliveira.

Os vereadores avisaram que irão cobrar o uso de equipamentos adequados e apurar as responsabilidades pela aquisição dos aparelhos e também por quem autorizou a utilização.

Lembrando que, as barreiras sanitárias foram instaladas na última sexta-feira, 60 dias após o Poder Executivo decretar estado de calamidade; de as cidades das redondezas implantarem as barreiras e, dos vereadores questionarem a falta da barreira sanitária no município durante sessões da Câmara de Vereadores de Três Rios.

Ainda na sexta-feira – no primeiro dia da barreira sanitária – dois locais onde foram instaladas barricadas (Cariri e Posto Cutuba), foram desobstruídos após a manifestação popular e reivindicação das empresas locais. Serviço feito e desfeito em menos de 12 horas.